09 julho 2018

A despedida


A última catequese deste ano foi a última catequese que dei a este grupo fantástico de miúdos. Foram três anos de partilha, carinho e aprendizagem. Eles aprenderam comigo e eu aprendi com eles. Crescemos juntos e quero acreditar que um bocadinho dos valores que eles levam com eles tiveram o meu contributo.

Fiz o melhor que sabia para que ir à catequese fosse uma experiência boa para eles. Que sentissem a responsabilidade do percurso mas não deixassem de ser crianças a ser crianças. Brincámos, cantámos, conhecemo-nos e criámos relações.

Agora, pelo melhor motivo que podia ter – ser mãe –tomei a decisão de deixar de dar catequese e despeço-me deste grupo tão querido (pais e filhos) com o coração apertado de saudades antecipadas mas cheio de alegria por tê-los tido na minha vida. E, claro, esperança que consigamos manter o contacto e que não seja um “adeus” mas sim um “até já”.

4 comentários:

  1. Oh que bom, de certeza que deixaste um raio de saudade no coração de todos os miúdos mas foi por uma boa causa: vais-te dedicar à maior missão da tua vida :)

    ResponderEliminar
  2. Tenho a certeza que irás voltar a dar catequese. Sei, que vais incutir esse principio ao teu filho e, vais querer acompanhar de perto. Força!

    Coração em desalento.

    Beijos e uma excelente semana

    ResponderEliminar
  3. É sempre muito bom quando trabalhamos com crianças, por muito que algumas nos deixem de cabelos em pé, não há melhor público do que eles :)

    ResponderEliminar

Obrigada pela tua visita!
Já me visitaste nas redes sociais?
Facebook | Instagram
Ou então por aqui: cat.nemmaisnemmenos@gmail.com

/*pinterest hover button~